Sacramento do Matrimônio

Significado do Matrimônio:

A união entre o homem e a mulher sempre foi comum em toda história humana. Todas as sociedades possuem formas de casamento, mas somente na fé católica o casamento foi elevado à dignidade de Sacramento.

O Sacramento é um sinal eficaz da graça que Cristo conquistou com o seu sacrifício na Cruz. Quando o casamento se torna sacramento, ele se transforma em sinal eficaz de Cristo na terra. Por isso quando um casal recebe o sacramento do Matrimônio, se torna sinal visível da união de Cristo com a Sua Igreja. O homem é chamado a morrer, derramar o seu sangue pela sua esposa. Por sua vez a esposa é chamada a se doar ao seu esposo como ao próprio Cristo. O homem como sinal de Cristo. A mulher como sinal da Igreja.

Com essa nova dimensão, o matrimônio é elevado a uma dignidade imensa, se tornando meio eficaz de santificação do casal. Como todos os outros sacramentos, o matrimônio confere uma graça especial para a nossa santificação. Quando o casal cristão escolhe se casar através do sacramento do Matrimônio, é conferida uma graça especial para santificar toda a sua família.

A Bíblia, do início ao fim, fala de casamento. Tanto no sentido humano como divino, devemos entender o casamento entre o homem e a mulher como uma preparação para o nosso casamento definitivo com Deus no céu. O casamento que celebramos aqui na terra, aponta para o nosso matrimônio definitivo na eternidade:

“Então o Senhor Deus fez vir sobre o homem um profundo sono, e ele adormeceu. Tirou-lhe uma das costelas e fechou o lugar com carne. Depois, da costela tirada do homem, o Senhor Deus formou a mulher e apresentou-a ao homem. E o homem exclamou: “Desta vez sim, é osso dos meus ossos e carne da minha carne! Ela será chamada ‘mulher’ porque do homem foi tirada”. Por isso deixará o homem o pai e a mãe e se unirá à sua mulher, e eles serão uma só carne.” (Gn 2, 21 – 24)

“Fiquemos alegres e contentes, e demos glória a Deus, porque chegou o tempo das núpcias do Cordeiro. Sua esposa já se preparou. Foi lhe dado vestir-se com linho brilhante e puro.” (Ap 19, 7-8)

“Deus que é amor e criou o homem por amor, chamou-o a amar. Criando o homem e a mulher, chamou-os no Matrimônio a uma íntima comunhão de vida e de amor entre si, “assim, eles não são mais dois, mas uma só carne (Mt 19,6)”.  (Compêndio CIC, 337)

 

Sacramento do Matrimônio no Santuário Diocesano:

  1. O Sacramento deve ser agendado com no mínimo 6 meses de antecedência;
  2. O Processo matrimonial deve ser aberto na Secretaria Paroquial com 3 meses de antecedência da data do Casamento apresentando os seguintes documentos:
    1. Documento de identificação dos noivos (RG ou CNH)
    2. Certidão de Batismo atualizada para fins matrimoniais com data de expedição do documento no máximo 6 meses antes do Casamento.
    3. Comprovante da Preparação para o Sacramento do Matrimônio.
    4. Comprovante de agendamento do Casamento Civil.
    5. Comprovante de endereço dos Noivos.
    6. Comprovante da Primeira Eucaristia e Crisma dos Noivos se tiverem.
  3. Taxa para o Sacramento – 1 salário mínimo vigente na data do casamento.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp