Papa Francisco expressa proximidade aos brasileiros neste tempo de pandemia

Papa Francisco. Foto: Daniel Ibáñez / ACI Prensa

O Papa Francisco expressou a sua “proximidade orante” aos brasileiros neste tempo de pandemia, por meio de uma carta enviada pelo Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Pietro Parolin.

A missiva foi destinada à presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em resposta a uma carta enviada pelos prelados brasileiros para agradecer pelos serviços prestados pelo Núncio Apostólico Dom Giovanni D’Aniello.

Em 1° de junho, o Papa Francisco nomeou Dom Giovanni d’Aniello, até então Núncio no Brasil, como Núncio Apostólico na Federação Russa.

Em despedida a Dom D’Aniello, a presidência da CNBB escreveu à Secretaria de Estado do Vaticano a fim de “manifestar incondicional apreço e gratidão ao serviço eclesial qualificado prestado à Igreja no Brasil” pelo até então Núncio Apostólico, de 2012 a 2020.

Ao responder a carta, o Cardeal Pietro Parolin declarou que, o Papa Francisco, a quem informou sobre o conteúdo da missiva, “expressou seu comprazimento” e pediu que fizesse “chegar à CNBB e a todo querido povo brasileiro a sua Bênção Apostólica, juntamente com a certeza de sua proximidade orante neste tempo difícil de pandemia, que infelizmente tem flagelado tão fortemente também esse país”.

“Estou certo de que a Igreja Católica no Brasil saberá, sob a guia prudente dos seus Bispos, responder pronta e eficazmente aos grandes desafios pastorais do momento presente”, acrescentou.

O Purpurado também disse se alegrar ao “verificar o apreço que sentem pelo trabalho pastoral realizado nos oito anos de serviço” de Dom D’Aniello, “por sua incansável presença em várias circunstâncias e localidades desse imenso país, pela disponibilidade, acolhida e solidariedade que ele demonstrara aos Bispos e a todas componentes da Igreja Católica no Brasil”, bem como pelas “boas relações diplomáticas” que buscou manter “entre a Santa Sé e a República Federativa do Brasil”.

Além disso, indicou que, “a fim de estar cada vez mais próximo” dos bispos e fiéis brasileiros, “o Papa Francisco já nomeou um novo Núncio Apostólico na pessoa do Excelentíssimo Mons. Giambattista Diquattro, Arcebispo titular de Giromonte, que em breve vai chegar a Brasília”.

Em seguida, o Cardeal Parolin recordou as palavras ditas pelo Papa Francisco aos bispos brasileiros em 2013, quando esteve no Rio de Janeiro, para a Jornada Mundial da Juventude.

Na ocasião, o Santo Padre disse: “o resultado do trabalho pastoral não assenta na riqueza dos recursos, mas na criatividade do amor. Fazem falta certamente a tenacidade, a fadiga, o trabalho, o planejamento, a organização, mas, antes de tudo, você deve saber que a força da Igreja não reside nela própria, mas se esconde nas águas profundas de Deus, nas quais ela é chamada a lançar as redes”.

Nesse sentido, o Secretário de Estado Vaticano desejou aos bispos brasileiros “a força e a coragem apostólica para lançarem as redes da Igreja nas profundas águas de Deus, mesmo neste período de particulares desafio.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/papa-francisco-expressa-proximidade-aos-brasileiros-neste-tempo-de-pandemia-62748

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp