“A Igreja é a grande assembleia do povo de Deus” (Dom Vicente Costa)

Atividades da 8ª Assembleia na manhã do sábado, 28 de novembro

A 8ª Assembleia Diocesana de Pastoral da Diocese de Jundiaí está acontecendo no Mosteiro de Itaici, em Indaiatuba (SP).Mais de 400 pessoas entre Padres, Diáconos Permanentes e Transitórios, religiosos (as), seminaristas, delegados das 67 paróquias, lideranças, coordenadores e representantes dos movimentos, grupos, novas comunidades e pastorais. estão presentes. Outras centenas de pessoas acompanham o evento, que acontece no formato híbrido com transmissão pelas redes sociais.

Neste sábado, 27 de novembro, as atividades iniciaram com a Celebração de Missa com Laudes, na Igreja de Nossa Senhora Mãe do Bom Conselho, no Mosteiro de Itaici. O Bispo Diocesano, Dom Vicente Costa presidiu a celebração.

Na homilia, Dom Vicente destacou que o trabalho do fiel cristão não pode perder de vista o que é ser Igreja ao fazer memória das Palavras do Apóstolo Paulo, que convida os cristãos a construírem suas casas sobre a pedra angular que é Cristo Jesus. “nossa vida deve se basear no seguimento de Cristo, no encontro com a pessoa de Jesus. Todos somos sacerdotes a partir do batismo, e chamados a oferecer nossa vida, a sermos obedientes, assim como Jesus se faz obediente; somos chamados a ser uma nação santa”, disse o Bispo.

Após a celebração, reunidos no auditório, Padre Leandro Megeto apresentou a programação do dia e retomou a questão das Novas Diretrizes da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil à Luz do Sínodo dos Bispos.

O Presbítero fez uma síntese de cada Pilar e foram apresentadas as propostas para análise e aprovação dos Pilares da Palavra e do Pão. As atividades previstas para o período da tarde enfatizarão os Pilares da Caridade e da Ação Missionária.

Antecedendo a análise das propostas para cada um dos Pilares, o Setor Juventude da Diocese fez uma apresentação motivadora, seguida da palavra livre, momento em que foi dado voz aos presentes para suas considerações, acréscimos, subtrações e sugestões para a confecção do texto final.

Terminadas as contribuições, Pe. Leandro colocou as propostas em votação para aprovação do texto final.

A cada aprovação, houve um especial momento de ação de graças com cânticos e bênção.

Abaixo, confere a síntese das propostas, lembrando que as alterações, acréscimos e subtrações serão contempladas no documento final, que será oportunamente divulgado pela Diocese de Jundiaí.

1-Pilar da Palavra: Aprofundar a Iniciação à Vida Cristã e a Animação Bíblica da vida da Igreja e de toda a sua Ação Evangelizadora.

O Pilar da Palavra se constitui de dois eixos fundamentais: a Animação bíblica da vida e da Ação Evangelizadora. Estes elementos foram explicados e aprofundados e ficaram assim

Animação bíblica da vida e da Ação Evangelizadora:

Incentivar a leitura orante da Palavra de Deus, elaborando subsídios para esta finalidade;
Promover a Animação Bíblica de toda a Ação Evangelizadora, privilegiando a formação bíblica;
Criar uma Comissão Diocesana para esse fim.
Iniciação à Vida Cristã:

Ao Priorizar o Querigma na Ação Evangelizadora, valorizando os encontros querigmáticos;

Assegurar em toda a Diocese a unidade na formação dos catecúmenos adultos na recepção dos Sacramentos;

Garantir a implantação da catequese com inspiração catecumenal, como também da catequese familiar, nas Paróquias que ainda não a implantaram, e acompanhar onde já existe;

Assumir a Escola Catequética São José de Anchieta a serviço das Paróquias, favorecendo a formação inicial dos (as) catequistas;

Instituir na Diocese de Jundiaí o Ministério do (a) Catequista.

2- Pilar do Pão: Aprofundar a busca da espiritualidade e a vivência da Sagada Liturgia

2.1-Espiritualidade:

Promover e incentivar encontros de espiritualidade para todos os Agentes da Ação Evangelizadora, centrados no Ministério Pascal, formando autênticos (as) discípulos (as) missionários (as) de Jesus Cristo.

2.2-A Sagrada Liturgia:

Garantir a formação litúrgica permanente, particularmente para os Ministérios da Comissão de Liturgia;
Assegurar em toda a Diocese a unidade na forma de celebração das ações litúrgicas;
Garantir que a Comissão Diocesana de Liturgia contribua com a implantação e a assessora das Comissões Paroquiais de Liturgia;
Formar os (as) leitores (as) para a proclamação da palavra de Deus nas celebrações litúrgicas.
A 8ª Assembleia tem por finalidade avaliar e planejar as ações do novo Plano Diocesano de Pastoral para o próximo quadriênio. O novo Plano Diocesano será um instrumento para ajudar a aprofundar a ação evangelizadora da Igreja Particular de Jundiaí.

 

Fonte: Site Diocese de Jundiaí – https://dj.org.br/a-igreja-e-a-grande-assembleia-do-povo-de-deus-dom-vicente-costa/

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp